Feliz Páscoa Ressureição de Cristo!Domingo de RamosÚltima CeiaCrucificação de Jesus CristoRessurreição de Cristo - Páscoa

 

Dia Nacional da Poesia

Confira nossos poetas

   No dia 14 de março, comemora-se o Dia Nacional da Poesia, uma arte expressada em palavras, que pode inspirar outros artistas como pintores, escultores, compositores musicais e até mesmo outros poetas.
    A linguagem poética - que na fala de José de Nicola e Ulisses Infante, quer dizer: " a linguagem que resulta do trabalho consciente e cansativo dos artistas da palavra " - é dinâmica e produz algo que está vivo e pulsa em busca de novas rimas, de novas formas de interpretar a realidade, suscitando em descobertas e num desabrochar de novas idéias.
    Já que estamos comemorando um dia nacional da Poesia, nada melhor que dar a palavra aos próprios poetas. Portanto, selecionamos alguns poetas de estilos de épocas diferentes, que de uma maneira ou de outra fizeram a história da poesia no Brasil.
Gregório de Matos Guerra (1633-1696), conhecido como o Boca do Inferno, nasceu em Salvador (BA), formou-se em Direito pela Universidade de Coimbra, Portugal. Tom satírico de suas poesias rendeu-lhe um exílio em Angola, de onde regressou em 1695, fixando-se em Pernambuco, onde viria a falecer um ano depois.
    À obra satírica de Gregório de Matos, juntam-se o lirismo e a poesia religiosa, características do período Barroco. Gregório de Matos é considerado o melhor poeta barroco brasileiro.
Antônio Gonçalves Dias (1823-1864) nasceu em Caxias (MA) e morreu nas costas do Maranhão, no naufrágio do Ville de Boulogne, navio no qual regressava de sua terceira viagem à Europa. Estudou Direito em Coimbra, mas não concluiu o curso. Regressou ao Brasil onde iniciou sua extensa participação na imprensa do Rio de Janeiro, integrando diversos movimentos culturais. Em sua produção literária, destacamos as seguintes obras: Primeiros cantos, Segundos cantos, Sextilhas do Frei Antão, entre outros.
Carlos Drummond de Andrade (1902-1987) nasceu em Itabira (MG) e morreu no Rio de Janeiro. Passou sua infância na cidade natal e fez seus estudos secundários em Friburgo e Belo Horizonte. Formou-se em Farmácia, mas dedicou-se ao jornalismo em Minas e no Rio de Janeiro. Foi também funcionário público do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional.
    A ironia e uma sutil visão crítica estão presentes na obra de Drummond, demonstrando sua própria inquietação diante da vida.    Os temas que aparecem com mais freqüência em sua obra são: o desajustamento do indivíduo, a monotonia da vida, a nostalgia do passado, os obstáculos que a vida oferece, a preocupação sociopolítica, a angústia diante da morte, a própria poesia e a falta de perspectiva do homem. Atualmente, é considerado por muitos o maior poeta da literatura brasileira.
Marcus Vinícius de Melo Morais (1913-1980) nasceu e morreu no Rio de Janeiro, passando, na cidade que lhe serviu muitas vezes de inspiração, grande parte de sua vida. Formou-se em Direito, foi crítico cinematográfico, diplomata, e participou de tantas outras atividades, inclusive a música.
    O " poetinha ", como ficou conhecido, fez muitas parcerias com o Tom Jobim, criando verdadeiras obras-primas da música popular brasileira (MPB). Em sua poesia, podemos ver como característicos temas, como: o amor, a mulher e a vida cotidiana.
    Dentre suas obras poéticas, destacamos: O caminho para a distância, Forma e exegese, Cinco elegias, Livro de sonetos, A arca de Noé, entre outros.

Confira nossos poetas

Fonte: DE NICOLA, José e INFANTE, Ulisses. Análise e Interpretação da Poesia . Coleção Margens do Texto. Editora Scipione, São Paulo. 1995.

 




Mensagens Virtuais
Participe: O que você quer ver nesta página?
Contato: Envie sugestões e dúvidas
Erro: Informar erro nesta página
Cadastro: Cadastre-se e tenha seu blog



Mensagens Virtuais ® por Renato Hoffmann
Desde 21/09/98 - 14 anos | Brasil
Mensagens Virtuais

Mensagens Virtuais de páscoa
Carregando...